HOME | ATUALIDADES | DICAS | NOTÍCIAS DE VESTIBULARES | ENTREVISTAS | FALE CONOSCO
Assista os vídeos da Oficina do Estudante Siga a Oficina do Estudante no Twitter Curta a Oficina do Estudante no Facebook Assine os feeds do cursinho campinas
 
Diferenciando Adjunto Adnominal e Complemento Nominal

O cursinho pré vestibular Oficina do Estudante de Campinas traz para conhecimento de todos os leitores que irão prestar os melhores vestibulares do país.

Diferenciando Adjunto Adnominal e Complemento Nominal - Cursinho Campinas - Pré Vestibular - OFICINA DO ESTUDANTE
Gramaticando (Foto: Google Imagens)
E aí, gente, tudo bom? Nesse artigo vamos diferenciar dois sintagmas que podem ser facilmente confundidos o Adjunto Adnominal o Complemento Nominal. Antes de tudo, vamos conceituar o complemento nominal. Repare nas seguintes orações:

A construção atrasou
Tenho medo
Moro perto
Sou bom

Não parece que o sentido delas está incompleto? Construção do quê? Medo de quê? Perto de onde? Bom no quê? E se fossem escritas dessa maneira?
A construçãodo prédio atrasou
Tenho medo de matemática
Moro perto do trabalho
Sou bom em gramática

Mais natural, não é? Isso ocorre porque todas as palavras escritas acima em itálico e sublinhadas são consideradas transitivas, ou seja, admitem complementos. Os termos em negrito inseridos estão a complementando, ou seja, são COMPLEMENTOS NOMINAIS. E qual seria uma boa definição deles?

Diferenciando Adjunto Adnominal e Complemento Nominal  - Cursinho Campinas - Pré Vestibular - OFICINA DO ESTUDANTE
Gramaticando (Foto: Google Imagens)
Diferenciando Adjunto Adnominal e Complemento Nominal  - Cursinho Campinas - Pré Vestibular - OFICINA DO ESTUDANTE
Gramaticando (Foto: Google Imagens)
Complemento Nominal:

É um termo integrante (ou seja, complementa o sentido de termos transitivos) que SEMPRE aparece preposicionado. Pode complementar substantivos deverbais, advérbios e adjetivos (mantendo a ordem que apareceu acima).

Atenção para quando falamos sobre substantivos deverbais. Como o próprio nome sugere, são substantivos relacionados a verbos, ou seja, substantivos que expressam ações. O conceito é ainda mais amplo, engloba também substantivos como medo, boato e saudades (que, indiretamente, tem a ver com ações de temer, fofocar e sentir saudades).

Conceito entendido? Então, vamos fazer uma comparação breve entre Adjunto Adnominal e Complemento Nominal:

Adjunto Adnominal
- Acessório
- Liga-se a substantivo
- Sempre apresenta preposição

Complemento Nominal
- Integrante
- Liga-se a Substantivo deverbal, advérbio e adjetivo
- Sempre apresenta preposição

Apenas com essa comparação, já podemos ver critérios práticos para diferenciá-los, como a presença de preposição. Porém, algumas vezes é difícil identificar se ele é integrante ou acessório. Repare nas frases:

Diferenciando Adjunto Adnominal e Complemento Nominal  - Cursinho Campinas - Pré Vestibular - OFICINA DO ESTUDANTE
Gramaticando (Foto: Google Imagens)
A invenção do avião por Santos Dumont foi genial.
O medo de baratas da minha mãe é imenso.
Temos dois termos preposicionados ligados a substantivos deverbais. Qual deles é Complemento e qual é adjunto? Pois bem, vamos analisar uma paráfrase delas:

Santos Dumont inventou o avião e foi genial.
Minha mãe tem medo de baratas e é imenso.

Note que, como os substantivos são deverbais e indicam ações, podem aparecer os agentes e pacientes dessas ações. Os agentes são “Santos Dumont” e “Minha mãe”, enquanto os pacientes são “o avião” e “baratas”. Tal relação se mantém nas frases originais, havendo um termo agente e um paciente para os substantivos deverbais.

“E por que você está me falando isso, Ivan?”. Ok. Vamos finalizar. Os termos que funcionam como Agentes serão considerados Adjuntos Adnominais e os Pacientes, Complementos Nominais (para facilitar a memorização, Agente – Adjunto = vogais; Paciente – Complemento = Consoantes).

Sintetizando tudo o que vimos, podemos ver o fluxograma no link abaixo.

Clique aqui

Tente classificar os termos abaixo o usando. Caso fique dúvida, mande e-mail!!

A votação da emenda pelo congresso demorou;
A história do Brasil é fascinante;
Andei junto aos amigos;
Sou fiel à minha esposa;
Comi um bolo de chocolate.

Espero que ficou tudo claro. Qualquer coisa, mande um e-mail.

Um beijo no coração e até a próxima.

Ivan Perina, Professor de Língua Portuguesa, Graduando em Letras pela UNICAMP.
Veja também

• Fonética Básica: Fonema, Dígrafo e Encontros

Oi, gente, tudo bom com vocês? Não sei se vocês já repararam, mas existem diversos campos de estudo na área...

• Regência Verbal

Oi, gente! Lembram-se do conceito de transitividades verbais? O que é um verbo de ligação, transitivo, intransitivo? Se não, leia...

• Porquê tenho que usar esse Por que

E aí, gente, tudo bom?

É com grande prazer que escrevo esse primeiro texto para o Gramaticando.

Antes...

• Funções da Linguagem

Oi, gente, tudo bem com vocês? Na última publicação, falamos sobre os elementos da comunicação. Para dar continuidade, falaremos sobre...

• Elementos da Comunicação

Elementos da Comunicação
E aí, gente, tudo bom? Nessa publicação, serão abordados os elementos os conceitos e definições dos elementos...

• Diferenciando “Predicativo” de “Adjunto Adnominal” – Ambiguidades

Diferenciando “Predicativo” de “Adjunto Adnominal” – Ambiguidades

E aí, gente, beleza? Já ouviram falar no predicativo? O nome é incomum, mas...

• Top 10 inadequações gramaticais (ou não) em redações – Parte 2

Top 10 inadequações gramaticais (ou não) em redações – Parte 2
E aí, gente! Tudo bom com vocês? Vamos agora...

• Top 10 inadequações gramaticais (ou não) em redações – Parte 1

Top 10 inadequações gramaticais (ou não) em redações – Parte 1

E aí, gente! Tudo bom com vocês? Com a aproximação...

• Frase, Oração e Período: Introdução ao Período Composto.

Frase, Oração e Período: Introdução ao Período Composto.
E aí, gente, tudo bom? Antes de tudo, uma pergunta: Considera que frase,...

• Acentos diferenciais e Palavras Homônimas e Parônimas

Acentos diferenciais e Palavras Homônimas e Parônima


E aí, gente, tudo bom? Estamos no ano de 2012 e a Reforma Ortográfica...

‹ « [1] 2 3 »
 
Bolsa de Estudos - Pre Vestibular - Cursinho Campinas - OFICINA DO ESTUDANTE
 
Blog do Bixo - OFICINA DO ESTUDANTE
Fuvest: divulgada as notas de corte da 1ª fase
A Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest), de São Paulo, publicou em seu site nesta sexta-feira,...
Unicamp divulga aprovados na 1ª fase do Vestibular
A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) está divulgou nesta quinta-feira (7) a lista...
Ler em voz alta ajuda a fixar coisas na memória
Por Ana Prado Guia do Estudante Quando temos muita coisa para estudar, nosso sonho é conseguir memorizar os...
Veja os vestibulares do próximo fim de semana
Região Sudeste Uerj A Universidade do Estado do Rio de Janeiro aplica as provas da segunda fase do...
Unesp divulga aprovados para 2ª fase do vestibular
Universidade Estadual Paulista (Unesp) divulgou nesta sexta-feira (1º) o resultado da primeira fase do vestibular 2018....
by Oficina do Estudante
 

Cursinho Campinas - Pré-Vestibular
Av. Brasil, 601 - Campinas/SP
F.: 19-3241.6688

Assista os vídeos da Oficina do Estudante Siga a Oficina do Estudante no Twitter Curta a Oficina do Estudante no Facebook Assine os feeds do cursinho campinas Pré-Vestibular e Ensino Médio Oficina do Estudante